Avançar para o conteúdo

~NØM∆D.CLUB.SESSION~ Titanic Sur Mer

Tribos de Lisboa e arredores!
É com muita alegria e um enorme prazer que vimos vos apresentar a †NOMAD.CLUB.SESSION†
uma proposta para todos os Nomads que vibram com boa musica.
†NOMAD.CLUB.SESSION† foca as suas energias em propostas que variam desde a folktronica de baixos Bpm´s aos ritmos mais acelerados que ainda assim dialogam com um universo etno electrónico.
Para esta primeira sessão em Lisboa teremos o seguinte line up:
YEAHMAN ‡ (Wonderwheel – Fr)
Desde o início que o projecto de Jean Dasso, Yeahman, tem sido sobre quebrar barreiras entre os subgéneros da electrónica e abrir-se a todo o tipo de influências globais. Depois do EP de estreia “Transborda” (Frente Bolivarista, 2017), edita “Miniyamba” na Shika Shika em 2018. Gravado com Mina Shankha e Hajna, esta faixa fá-lo chegar a uma audiência mais vasta, com milhões de streams e airplay de rádio. Depois de um período de tour intensivo (Colômbia, Brasil, México, USA, Canadá e, claro, Europa) que levou a um maior reconhecimento e apoio da cena cena de global bass. É considerado um dos dj’s e produtores mais promissores, ao lado de Nicola Cruz, Chancha Via Circuito e El Búho. Yeahman levou o seu tempo a produzir o seu primeiro álbum, gravado entre Toulouse, Dakar, Nápoles e Marselha. “Ostriconi” viu finalmente a luz do dia em 2021, pela conceituada Wonderwheel, e já em 2022 um álbum de remisturas.
BELAPAPAYA ‡ (Pt)
De janela aberta para o mundo, quatro músicos unem as suas diferentes histórias e raízes. Cedo Olivia Chantre decidiu estudar guitarra e canto lírico
no Conservatório Nacional de Música. Em 2019 conheceu Jorge Hernández que a convidou para fazer parte do projeto Cenzontle. Passados uns meses, Ranieri dos Santos também se juntou ao projeto. Este encontro deu asas a fundarem “belapapaya”. Rani, um guitarrista sonhador, chegou a Lisboa a fim de se dedicar à sua nova vida de músico e cabeleireiro barbeiro. Rani e Oli encontraram os dois membros que faltavam: Vasco Sousa e Vicente Simão. Vasquinho conheceu o baixo e estudou-o de forma intuitiva. Anos mais tarde, decidiu envolver-se num meio mais académico, ao iniciar os estudos no Hotclub de Lisboa. E o Vicente, formou-se no Conservatório Nacional de Música de Lisboa dedicando-se à percussão. Hoje estuda na Academia Nacional Superior de Orquestra. Imersos em chás e incensos, dedicam-se a contagiar o ambiente que os envolve, dando vida e cor às sementes que plantam. Assim, começaram a criar música com ritmos e melodias que evocam culturas,
fusionando-as na realidade Lisboeta.
O seu primeiro EP trata-se de uma descoberta, isto é, de uma fusão entre quatro membros que se encontraram. Os temas nos quais se debruçam são: o amor, esperanças, ilusões e a questão de tornar a rotina num ritual. A presença de plantas e especiarias ao longo das músicas envolvem-nos numa receita tanto culinária quanto amorosa. Musicalmente transparecem ritmos e cores quentes, numa mistura de influências afro-brasileiras e europeias. É composto por cinco músicas, das quais o single é “Sangue do sangue”.
MIKE STELLAR ‡ (Pt)
À procura da batida perfeita. Esta é a missão de Mike Stellar. Sem se
confinar a nenhum estilo particular, pode-se ouvir nos seus sets uma
mistura explosiva de nu-jazz, breakbeat, house, techno
Detroit, drum & bass e dub e uma atenção especial a pérolas
perdidas das décadas de 60,70 e 80. O elemento unificador de toda esta
panóplia de estilos é o groove.
Já actuou nos melhores clubes e nos festivais mais importantes de Portugal.
A sua carreira internacional tem-se solidificado desde 2001, com actuações regulares em países como Estados Unidos, Inglaterra, Irlanda do Norte, Espanha, França, Croácia e Hungria.
A sua faceta de programador e booker também é relevante, sendo um taste maker da club scene em Portugal, com propostas que oscilam entre a ousadia e um sentido forte das raízes da música urbana contemporânea.
Foi manager dos Rádio Macau, Cool Hipnoise e Spaceboys no período 1997-2000.
Fez parte da equipa da Red Bull Music Academy em Portugal desde 2004 a 2019.
Faz consultoria musical para o Grupo Avillez.
MUAMBA MASALA ‡ (Br)
Muamba Masala é um DJ e produtor brasileiro baseado em Lisboa, Portugal.
Sua pesquisa musical é uma viagem pelos ritmos latino-americanos e profundas sonoridades tribais africanas, uma mistura que surge de paisagens intensas e pessoas heterogêneas que conheceu ao longo de seu caminho.
Traz tropicalidades, ritmos que descansam a alma. E numa longa viagem consegue mostrar uma versatilidade tão variada quanto os verdes de uma floresta amazónica. Viaja com uma electrónica que flui e se hipnotiza a ela mesma, fazendo acreditar que a própria se trata de antigos rituais musicais conduzidos pelas tribos deste grande mundo.
Suas raízes brasileiras se destacam durante seus sets, criando um momento no tempo onde grooves cariocas e swing africano se encontram para aquecer as pistas de dança.
‡‡ Hello Family ‡‡
It is with great joy and great pleasure that we come to present to you the
†NOMAD.CLUB.SESSION†
a proposal for all Nomads who vibrate with good music.
†NOMAD.CLUB.SESSION† focuses its energies on proposals that range from low Bpm folktronics to faster rhythms that still dialogue with an ethno-electronic universe.
For this First session in Lisbon we will have the following Line Up:
YEAHMAN ‡ (Wonderwheel – Fr)
Since the very beginning, Jean Dasso’s project Yeahman has always been about breaking boundaries between electronic music subgenres and defending a universal approach to music. After a latin sounding first EP “Transborda” (Frente Bolivarista, 2017), the multi-instrumentalist released “Miniyamba” (Shika Shika, 2018). Recorded with Mina Shankha and Hajna, this track led him to a wider audience, reaching millions of streams and interest from national radio broadcasts and taking the french producer to a next level. After touring intensively around the world (Colombia, Brazil, Mexico, USA, Canada, and Europe, obviously), the french producer has now succeeded to get support and recognition from the global bass scene. He’s considered as one of the most promising DJs and producers of his generation, alongside Nicola Cruz, Chancha Via Circuito or El Buho. Yeahman took his time to compose his first full length album, which got recorded somewhere between Toulouse, Dakar, Napoli and Marseille. Ostriconi was eventually released in 2021 by NY based label Wonderwheel Recordings (Quantic, Chancha Vía Circuito, etc…).His latest release came out in January 2022 and got remixed by Kaval, La Dame or Goldie B. Jean will launch his new moniker in springtime : Orso. This brand new alias will explore a new electronic and uptempo universe, built for sweating dancefloors. A first Orso track will be included on the next Earthly Measures compilation, before a first awaited EP.
BELAPAPAYA ‡ (Pt)
THis Lisbon quartet tells the story of the different roots and origins of its members.
Their first EP is a discovery, a fusion between 4 people that found each other and composed around love, hope, illusions and the desire to create a riitualistic routine. The presence of plants and spices in their music takes us on a journey that’s as gastronomic as a love affair. Their warm rhythms and hot colours present us with a mix of afro-brazilian and european influences.
MIKE STELLAR ‡ (Pt)
Searching for the perfect beat, this how you can define Mike Stellar’s mission. Without confining to any particular style you can hear on his sets an explosive mix of bass,nu-jazz, breakbeat, deep-house, detroit techno, afrobeat and funk. What unites all this is Groove.
Since 1996 he’s been one the driving forces on the quality music scene in Portugal. First as a promoter, and later caught in the addiction of vinyl.
Since then he was of the groundbreaking promoters & dj in Portugal, first with some legendary drum&bass parties in Lisbon and then moving to the jazznotjazz scene since 1999, introducing to Portugal people like Jazzanova, Gilles Peterson, Rainer Truby, Nicola Conte, The Amalgamation of Soundz, King Britt, Koop, Kyoto Jazz
Massive, and many, many others. In the past years, guests like Mosca, Actress, Pariah, Nickodemus, Quantic, Pablo Valentino, Floating Points, Agoria, Julio Bashmore, amongst many others.
He keeps a good flow of guests coming over balancing the classic with brand new flavours.
MUAMBA MASALA ‡ (Br)
Muamba Masala is a Brazilian Dj and producer based in Lisbon, Portugal.
His musical research is a journey through Latin American rhythms and deep tribal African sounds, an experienced mixture born from breathtaking landscapes and heterogeneous people met along his path.
His Brazilian roots stand out during his sets, creating a moment in time where carioca grooves and African swing meet to heat up the dancefloors.

~NØM∆D.CLUB.SESSION~ Titanic Sur Mer

Data

05 Mar 2022
Expired!

Hora

23:55 - 23:55
Titanic Sur Mer

Localização

Titanic Sur Mer
Cais do Gás, R. da Cintura do Porto de Lisboa, 1200-109 Lisboa
Fevereiro 2022
Abril 2022
Maio 2022
Junho 2022
No event found!
Ver Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.