Avançar para o conteúdo
Parallax - Inês Garrido

Parallax – Inês Garrido

Parallax – Inês Garrido

qua: 21h; qui: 21h; sex: 21h

CAL – Centro de Artes de Lisboa

Papá, gostava de um dia ser Presidente da República. Papá, achas que um Presidente da República pode nascer num bairro?

Amélia, uma velha interpretada por uma jovem, conta-nos episódios da sua vida, reclamando domínio não só sobre a sua própria biografia, mas também sobre a sua vivência e intimidade.

Amélia posiciona-se assim em três lugares distintos: o da história, onde a sua memória é evocada; o da personificação, onde encarna corpos daqueles com quem se cruzou; e o do pensamento-íntimo-disconexo-não filtrado, onde o processo do inconsciente se poetiza e sublima.

Ouvimos, através das mãos desta mulher, a crueza da vida: seja ao retratar o seu encontro com uma artista ou com um político, seja ao retratar a vida como um jogo de monopólio, seja ao evocar um jantar com uma ausência ao som de Roberto Carlos.

A narrativa de Parallax assenta numa ficção criada a partir de histórias ouvidas ao longo de meses nos territórios do bairro da Pasteleira, Porto, e, como nos diz Amélia,

 

A visão está aqui e a memória aqui. E eu já não sei o que vi ou o que é inventado.

Data

23 - 25 Fev 2022
Expired!

Localização

CAL - Centro de Artes de Lisboa
R. Santa Engrácia 12 A, 1170-333 Lisboa




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *